Visitantes

Nós temos 71 visitantes online
VirtueMart
O seu Cesto encontra-se vazio no momento.

LOJA VIRTUAL






Informativos


Receber em HTML?

NEWSLETTER

Informativos


Receber em HTML?

Informação: Seu navegador não aceita cookies. Para colocar produtos em seu cesto e comprá-los você precisa habilitar os cookies.
ImprimirE-mail


Propostas de Intervenção na Sala de Aula - Técnicas para consegu
ISBN: 85-7374-685-8
Preço: R$34,90

Propostas de Intervenção na Sala de Aula - Técnicas para consegu

Autor(es) : Mª Gracia Serrats i Paretas, Mª Teresa Gómez Masdevall, Victoria Mir i Costa Descrição: Propostas de Intervenção na Sala de Aula é uma obra didática que vem dar uma contribuição aos educadores do Ensino Básico e Fundamental, na busca d



Descrição
85-7374-685-8 Páginas: 280 Autor(es) : Mª Gracia Serrats i Paretas, Mª Teresa Gómez Masdevall, Victoria Mir i Costa Descrição: Propostas de Intervenção na Sala de Aula é uma obra didática que vem dar uma contribuição aos educadores do Ensino Básico e Fundamental, na busca de soluções práticas e estratégias adequadas para atender às diferentes etapas evolutivas dos alunos. Release: Propostas de Intervenção na Sala de Aula é uma obra didática que vem dar uma contribuição aos educadores do Ensino Básico e Fundamental, na busca de soluções práticas e estratégias adequadas para atender às diferentes etapas evolutivas dos alunos. Um dos assuntos que atualmente mais preocupam professores, pais e inclusive os próprios alunos é a disciplina. Disciplina provém etimologicamente da mesma raiz que discípulo e discente. Seu significado conotava o relacionamento existente entre o professor, o ensino, a educação e o próprio discípulo. Na época clássica da latinidade, expressava as idéias de aprender e se instruir, bem como as de exemplo, educação, instrução e ensino. Veio depois significar também as matérias objeto de estudo, isto é, equivalia a uma matéria. Depois, serviu para designar métodos de ensino e ainda sistemas filosóficos, incluindo conceitos como disciplina ou domínio de si mesmo, igual a educação assimilada; disciplina ou manutenção da ordem; disciplina ou castigo, etc. Poder-se-ia dizer que no nome disciplina inclui-se tudo o que se requer para aprender. Assim, a palavra disciplina, aplicada ao sistema de normas que regem o governo de uma comunidade e a obediência mais ou menos voluntária a essas normas, configurou vários significados: até hoje se falou de disciplina de partido, disciplina militar, disciplina eclesiástica... para designar as formas de conduta e o estilo de vida conseqüentes ao cumprimento de determinadas normas; e, por extensão, falou-se em disciplina escolar referindo-se aos peculiares relacionamentos que - no que diz respeito à educação - se estabelecem entre os elementos pessoais (docentes e discentes) de uma instituição educativa. Através do tempo foi-se definindo, desenhando e difundindo o conceito de disciplina. Com um único objetivo referencial e para alívio dos estudiosos, foram desenvolvidos desde o início do século passado diversos pontos a respeito, como você pode conferir nesta obra. Este livro apresenta propostas viáveis para a solução de um dos principais problemas enfrentados pelos educadores na sala de aula: a indisciplina. Numa época de mudanças como a atual, torna-se cada vez mais necessário implantar novas técnicas que facilitem o relacionamento entre professores, pais e alunos, como maneira de quebrar o distanciamento entre escola e família e, ainda, estimular o professor a incentivar outros colegas a superarem o típico isolamento em resolver seus problemas solitariamente. A escola de hoje sofre a conseqüência dessa decadência de valores que afetou nossa sociedade durante os últimos anos. Não existe uma consciência clara, nem por parte da sociedade nem de muitos professores, sobre o que realmente significa a educação e como deve ser enfocada. Isso leva os professores, ano após ano, ao questionamento sobre o sistema educativo e à análise das causas do chamado fracasso escolar, o que é bastante justificável, já que nossa média de fracassos excede em muito a européia. Como professores, devemos ter uma consciência clara de que uma ruptura tão notável entre a sociedade e o educador coloca em evidência uma falta de conscientização da tarefa importantíssima que ele desenvolve e seu papel na sociedade, ressaltam as autoras. A crítica permanente ao passado e os novos sistemas de valores da sociedade atual desacreditaram valores tão importantes e essenciais como os da autoridade e da educação. A autoridade está em crise, pois, embora seja verdade que as mudanças políticas e sociais a legitimaram, também é certo que não a dignificaram. Para os alunos, o educador é um representante dos valores vigentes em uma sociedade. É um guia de valores. É necessário que tenha a autoridade que lhe delegam os conhecimentos e que essa autoridade seja reconhecida pelos alunos, para poder exercê-la. Educar, etimologicamente, vem de dirigir e para dirigir deve-se exercer uma ação de condução, para o que é necessária uma disciplina, que, por sua vez, não deve ser entendida apenas no sentido de normas impostas, mas sim como o objetivo claro de ajudar os alunos a serem mais livres. Propostas de Intervenção na Sala de Aula tem por finalidade oferecer ferramentas para uma reflexão mais profunda sobre a arte de ensinar. Traz ainda uma variedade de exercícios lúdicos que ajudarão o professor no cotidiano, dentro da sala de aula. As informações contidas na obra também poderão ajudar os pais na formação de seus filhos, dando conceitos valiosos sobre disciplina e limites. Aceite essa proposta, tenha uma boa Leitura!





Última Atualização: Sunday, 21 September 2014 14:05